segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Retrospectiva de 7 anos de Blogue: Os 10 textos mais vistos de sempre

Parece que foi ontem mas este blogue fez 7 anos de existência. Começou por ser um escape, forma de partilhar curiosidades e conhecimentos vários com que o autor se ia deparando no dia-a-dia. Assim continuou nos dias que ia dando jeito, pois tudo isto é profundamente amador - nota-se é claro.

Número  - Jackson Pollock

Para não deixar o momento sem registo fica então aqui a indicação dos 10 textos mais vistos do blogue ao longo destes 7 anos de existência:

N.º 10 com 2.013 visualizações - Porque se chama Invicta à cidade do Porto?
N.º  9 com  2.073 visualizações - História, qual o significado e importância?
N.º  8 com  3.493 visualizações - Filme: "Planeta dos Macacos: a origem"
N.º  7 com  5.160 visualizações - País ou Estado mais pequeno do mundo?
N.º  6 com  6.485 visualizações - O Significado da palavra Matemática
N.º  5 com  7.063 visualizações - O que é um Loby, ou em Português Lóbi?
N.º  4 com  7.101 visualizações - Significado e origem da palavra F.U.C.K.
N.º  3 com  8.130 visualizações - Orgasmo masculino sem ejaculação - uma lição de Quintino Aires
N.º  2 com  9.465 visualizações - Filme “Sem tempo” – onde literalmente o tempo é dinheiro
N.º  1 com 26.142 visualizações -  Nike - uma Deusa Grega que deu origem a uma famosa marca

Não serão seguramente os melhores 10 textos, mas, por motivos vários, foram estes os escritos que despertaram mais curiosidade nos leitores do blogue. Denota-se uma grande variedade no tipo de textos anteriormente referidos, desde coisas mais leves e quase circunstância até assuntos mais pesados, passando também pelo cinema.
Por este blogue se continuará com variedade temática, tentando assim continuar a trabalhar para um espaço que se quer de busca pelo conhecimento, nas suas várias formas possíveis - pelo menos naquelas que o autor for capaz de apreender -, divulgando sempre que possível obras de arte.
Muito obrigado a todas e a todos que nestes 7 anos visitaram o blogue.

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Quem inventou os camuflados de guerra?

Supostamente foram os pintores cubistas que inventaram as pinturas de camuflados modernas, isto segundo o documentário "As Aventuras da Arte Moderna", no original "Les aventuriers de l'art moderne", da autoria de Amélie Harrault, Pauline Gaillard, Valérie Loiseleux  .  
 
Parque de Carrières-Saint-Denis - Georges Braque
 
Segundo a anterior fonte, durante uma das muitas batalhas da Primeira Guerra Mundial um telefonista francês recebeu instruções para transmitir a ordem de fogo à artilharia. Mal o canhão disparou foi atingido pelo inimigo e explodiu. O telefonista questiona-se: "Porque não proteger os homens com uma camuflagem que imitasse as formas e cores da natureza?"
 
O telefonista era o pintor  Lucien-Victor Guirand de Scévola , que de imediato transmitiu a ideia ao Estado-Maior francês. Em fevereiro de 1915 o Ministério da Guerra francês aceitou criar uma equipa sob sua direção. Scévola recorreu aos cubistas por serem capazes, com se tinha provado nas suas criações revolucionárias, de representar um ou mais objetos na sua íntegra, em todas as suas perspetivas, e não apenas sobre o ponto de vista do observador. Assim, supostamente, os cubistas inventaram as primeiras pinturas de camuflagens tais como as conhecemos hoje.
 
Pintores e escultores desenharam a aguarela também cenários falsos atrás das linhas. Pintam folhagens em tons naturais nos capacetes. Pintaram, esculpiram e construíram cadáveres, cavalos, fardos de palha, veículos, homens, ruinas e tudo o mais que pudesse contribuir para iludir o inimigo e ocultar os verdadeiros planos e estratégias de guerra. O famoso pinto Georges Braque, coinventor do cubismo juntamente com Picasso, terá participado ativamente nesses projetos.
 
Curiosamente os cubistas terão sido criticados por pelos academistas pela suas bizarras criações, mas acabaram por criar, indiretamente, ainda que pudesse ser pouco evidente para o não especialista, uma solução prática que ainda hoje as forças armadas não dispensam.
 
 

Artigos relacionados

Related Posts with Thumbnails


A Busca pela sabedoria - criado em Agosto de 2009 por Micael Sousa