domingo, 28 de fevereiro de 2010

Análise do livro "Tratado de Ateologia": A organização social pode existir sem o recurso à moral proveniente da religião?

Analisar e investigar as várias religiões, enveredando por uma busca o mais imparcial possível e abnegada de qualquer crença, é sempre uma missão difícil e, como não podia deixar de ser, potencialmente polémica.
O baile no moulin de la galette - Renoir
Enquanto céptico, e tentando ser sempre o mais racional possível, de acordo com o que as minhas emoções me permitem nestes assuntos, inevitavelmente tendo a ler e investigar as origens, evolução e implicações actuais da religiosidade na Humanidade. Desta vez foi o momento de ler uma obra de um filosofo contemporâneo vincadamente ateu. Na Obra “Tratado de Ateologia”, Michel Onfray tenta desmistificar o negativismo associado ao ateísmo e aos ateus, esforçando-se por defender que poder existir uma moral e uma organização social puramente laica, ou seja, verdadeiramente ateia. O autor defende que as crenças religiosas contemporâneas são desnecessárias para a existência de uma sociedade organizada, solidária e justa. Pois, num estado de consciencialização e informação mais elevado por parte dos actores sociais, a necessidade de um Deus (ou Deuses legisladores), definidor das regras de conduta e moral, tendo à sua disposição um paraíso para compensar os justos e um inferno para os injustos, os mecanismos de controlo social religiosos tornam-se vazios de qualquer utilidade pragmática ou tangível, restando apenas a tradição obsoleta e  ingénua.
 
Concorde-se ou não com Michel Onfray, esta é mais uma obra a ter em conta por quem quer, de um ponto de vista ateísta, compreender o nosso mundo. A organização da sociedade actual é apenas um dos muitos temas abordados pelo autor nesta obra. Mais haverá de interesse para citar e referir do livro em causa, pelo que o deixo para a leitura de ateus e crentes, pois certo contribuir positivamente para o enriquecimento de todos o que o lerem de mente aberta, nem que seja para discordar.

Artigos relacionados

Related Posts with Thumbnails


A Busca pela sabedoria - criado em Agosto de 2009 por Micael Sousa